sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Ensinando as Crianças a ajudarem os adultos

Seja gentil

O modo como cada um de nós lida com dinheiro é uma Viagem direta ao nosso Subconsciente e acaba por refletir nossas emoções e ambições, e nossos valores e sentimentos de auto-estima. A vida financeira das pessoas conta quase tudo sobre a forma como elas vêem a si e aos outros.

O fato é que construímos as bases de nossa Relação com o Dinheiro até por volta dos cinco anos de idade. As atitudes que funcionaram na infância e nos levaram a conseguir os resultados desejados serão responsáveis pela formação da mentalidade financeira que temos hoje.
Não é difícil, por exemplo, reconhecer adultos mimados, que se comportam como se o mundo inteiro lhes devesse os favores de repetidos empréstimos a fundos perdidos, o que é uma característica própria da criança que cresceu sem que ninguém impusesse limites aos seus desejos. Nada é tão definitivo em relação à falta de jeito para lidar com Dinheiro que não possa ser, no decorrer da vida, consertado e aprendido, mas o ideal é ter contato, ainda criança, com a Educação em relação ao dinheiro.
Os reflexos do descontrole em situações críticas no Tratamento com Dinheiro na vida de uma família são profundos e muitas vezes causam traumas e desagregação no ambiente familiar e no trabalho. Por isso, é essencial investir em Educação Financeira e Economia, sobretudo durante o ensino fundamental.
É pra isso que esse blog serve: divulgue para os seus amigos e para a sua família (principalmente seus filhos) a parte deste blog que fala sobre Tratamento com Dinheiro e, quando sentir uma necessidade maior de controle sobre Dinheiro, estude Matemática Financeira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário